og:image
×

REGIÕES

Curitibanos Frei Rogério Ponte Alta do Norte

NOTÍCIAS

Expocentro Fique Ligado Segurança Santa Catarina Brasil
Economizando

E agora o Brasil recomeça 2024?

Pois é sempre dizemos que após o carnaval, o Brasil recomeça suas atividades normais. Portanto, chegou a hora de iniciar.

Que tal iniciarmos com um bom planejamento financeiro. Projetar onde queremos chegar tomando como base a realidade no presente. Para um bom planejamento é claro que precisamos algumas ferramentas como: Fluxo de caixa futuro; Margens de lucro e Ponto de equilíbrio, principalmente.

Portanto, o planejamento financeiro empresarial é essencial. Afinal, ele serve como base nas decisões estratégicas sobre o futuro do negócio. Mas, claro que isso somente acontecerá se tivermos informações para a tomada de decisão e com dados confiáveis.

O planejamento financeiro empresarial é muito importante para uma empresa. Na prática, ele é a diferença entre uma empresa que sabe aonde quer ir e outra que está à própria sorte. Com ele, a empresa sabe o que deve fazer, sem a empresa fica perdida.

Todas as empresas nascem para atender algum tipo de demanda. Com isso, ela gera lucro. Sendo que, em qualquer ramo de atuação, a empresa precisa de recursos para funcionar.

O financeiro não faz isso sozinho. Ele deve ser integrado com as outras áreas essenciais. Podemos dizer que os grandes pilares da gestão empresarial está em: Finanças; Recursos humanos; comercial e Operacional.

Para fazer um plano financeiro, você deve seguir algumas etapas. São elas: baseado em https://investidorsardinha.r7.com/

1- Objetivos. Defina onde a empresa quer chegar. O objetivo pode ser crescer em um certo ritmo por certo período.

2- Situação atual. O 2º passo é fazer um raio-x da situação financeira atual da empresa. Isso deve ser feito com base nos indicadores financeiros da companhia. Pode usar a margem de lucro e o ticket médio.

Essa é uma etapa essencial. Isso porque, ela mostra se a empresa tem sido bem gerida. Ela indica também se a companhia tem reserva de lucro ou se pode se endividar.

3- Projeção. Na 3º etapa deve fazer uma projeção de fluxo financeiro futuro. Fazer o acompanhamento das metas.

Mas, pode que o planejamento não dê certo, se:

1- Planejar sem controlar. É preciso que o gestor tenha o controle das contas da empresa.

2- Não integrar os setores. Todos os setores de uma empresa devem funcionar em sincronia.  Sendo assim, os responsáveis por cada uma das áreas devem se comprometer e se unir para que o plano seja executado.

3- Superestimar o faturamento. O faturamento é um indicador importante. Mas ele não é o único. Portanto, não superestime o faturamento. Isso pode causar uma visão superficial das finanças da empresa como um todo.

4- Planejar, mas não executar. Muitos gestores tratam o plano financeiro como alto no campo das ideias.

5- Fatores externos. Não observar os fatores externos é um erro muito comum. Não basta olhar para dentro da empresa, é preciso analisar o mercado.

6- Precificar sem critérios. Mesmo que o produto ou serviço tenha uma boa qualidade, o preço deve estar dentro de uma lógica de mercado. Ao definir os preços, é preciso levar em conta os fatores internos e externos.

 


Veja também

Comentários

Carregando do Facebook...
Vídeos da Semana

Da Redação | Ladrão com mais de 60 passagens é novamente preso pela PM

08/07/2024

Da Redação | Principais notícias da manhã na região de Curitibanos

27/06/2024

Últimas Notícias