og:image
×

REGIÕES

Curitibanos Frei Rogério Ponte Alta do Norte

NOTÍCIAS

Expocentro Fique Ligado Segurança Santa Catarina Brasil
Via Digital

Meu celular está ouvindo minhas conversas?

Você já conversou com um amigo ou familiar sobre um produto que estava pensando em comprar e, no dia seguinte, ao acessar as redes sociais, percebe uma chuva de anúncios sobre aquele mesmo produto? A impressão que fica é que o seu celular está te ouvindo, não é mesmo? Mas a resposta curta é: não, seu celular não está ouvindo suas conversas.

Mas isso não significa que as empresas como a Meta (dona de Facebook, Instagram e WhatsApp) e a Google (dona do YouTube) não estejam te “espionando”, mas de outras maneiras.

Primeiro, temos que entender o porquê destas empresas fazerem isso: empresas como a Google e a Meta tem muito do seu lucro vindo de anúncios. Cada vez que você visualiza um anúncio, a empresa ganha uma pequena fração de centavo. Quando você clica no anúncio, esta fração aumenta. E realmente é uma quantidade muito pequena de dinheiro que nós estamos falando, mas se levar em consideração a quantidade de pessoas que utilizam estes serviços e a quantidade de anúncios que cada pessoa visualiza por dia, estas empresas acabam faturando bilhões de dólares por ano.

O ponto crucial para entendermos o porquê dos anúncios personalizados é o seguinte: estas empresas precisam do seu clique no anúncio, pois assim elas aumentam a receita. E para que você clique no anúncio, estes anúncios precisam ser interessantes para você. Mas se o anúncio que é interessante para você não é o mesmo que é interessante para sua avó ou para seu vizinho, como eles sabem qual anúncio mostrar para qual pessoa?

Bom, quando você cria uma conta nestes serviços, você aceita compartilhar algumas informações pessoais importantes como sexo, idade, cidade, estado civil, entre outros. Estas informações são usadas para separar pessoas em grupos demográficos que, estatisticamente, possuem tendências parecidas. Por exemplo, homens entre 18 e 30 anos são bem mais propensos a comprarem camisas de futebol do que mulheres nessa mesma faixa de idade. Portanto, é bem mais provável que esse tipo de anúncio só aparece para os homens neste caso.

As páginas, fotos e vídeos que você curte também indicam muito sobre seus gostos. Os sites verificam até o tempo que você assistiu um vídeo para saber se o conteúdo foi interessante para você, mesmo que você não tenha deixado o seu like.

Além disso, os sites “conversam” entre si. Se você pesquisou sobre uma AirFryer na Amazon, ao acessar os outros sites os anúncios da AirFryer vão aparecer para você, mesmo que de outras lojas.

E quanto as mensagens que eu envio no privado ou em grupos no WhatsApp?

O conteúdo das mensagens não é utilizado para esses fins porque a mensagem é criptografada, isso é, ela é “embaralhada” no momento que sai do seu celular e somente o celular de quem está recebendo a mensagem é que sabe como “desembaralhar” ela. No entanto, o WhatsApp possui as informações da pessoa com quem você está conversando e com que frequência está conversando.

Na semana que vem traremos métodos para que você possa proteger melhor seus dados e sua privacidade nas redes sociais. Fique ligado no Via Digital, toda sexta-feira no Portal Via Pública!

 

 


Veja também

Comentários

Carregando do Facebook...
Vídeos da Semana

Informativo Municipal - Edição 51

22/05/2024

Previsão do Tempo - 20 de Maio - Tempo firme e temperaturas mais elevadas

20/05/2024

Últimas Notícias