og:image
×

REGIÕES

Curitibanos Frei Rogério Ponte Alta do Norte

NOTÍCIAS

Expocentro Fique Ligado Segurança Santa Catarina Brasil
Segurança

PM prende homem de atear fogo em residência após agredir ex-mulher

Durante os procedimentos de prisão em consulta com a Brigada Militar foi constatado um Mandado do Prisão em aberto contra o autor pelo artigo 121, o mesmo estava foragido. Foto: Polícia Militar de São João Batista.

A PM foi acionada para atender a uma ocorrência de violência doméstica no bairro Cardoso em São João Batista.

De acordo com a PM, a mulher foi agredia pelo ex-marido e o mesmo acabou fugindo do local, usando camisa de time de futebol nas cores azul e branco. A vítima foi encaminhada ao hospital e na sequência para delegacia, para fazer uma medida protetiva contra seu marido.

A vítima retornou para sua resistência e sentiu forte cheiro de queimado e que de pronto acionou o Corpo de Bombeiros, pois viu muita fumaça no interior de sua casa e de imediato os bombeiros estiveram no local para combater as chamas e evitar que o fogo se propaga-se para as outras residências, tendo em vista que são muitas casas geminadas.

Após o incêndio ser totalmente combatido, populares relataram terem visto um homem pulando da residência e fugindo pelos fundos e que o mesmo estava com camiseta de time de futebol azul e branca.

Conforme os policiais, no ato do atendimento o suspeito enviava mensagens para vítima através de um app debochando do fato e relatando que já estava em Itapema tomando banho de mar. A vítima relatou aos policiais que o mesmo estaria eventualmente residindo no bairro Ribanceira do Sul e que estaria morando junto com um cadeirante.

Com a informação, os policiais militares foram até o local informado e identificam o cadeirante através de foto do app, o mesmo recebeu a guarnição e questionado sobre o paradeiro do indivíduo, informou que estava no interior de seu apartamento. A PM localizou o autor em um quarto no apartamento e no ato o indivíduo confessou ter agredido sua ex-companheira, mas negou ter ateado fogo na residência.

Segundo a PM, o cadeirante relatou que o homem chegou na residência nervoso e disse que havia ateado fogo na residência de sua ex-mulher. Diante dos fatos, a guarnição deu voz de prisão ao autor e conduziu até a Polícia Civil para os procedimentos cabíveis.

Durante os procedimentos de prisão em consulta com a Brigada Militar foi constatado um Mandado do Prisão em aberto contra o autor pelo artigo 121, o mesmo estava foragido.

Grazielle Delfino


Veja também

Crimes Virtuais: o perigo é real

No mundo digital, nem tudo é o que parece. Entre as facilidades e praticidades que a internet oferece, também se escondem perigos reais. Os crimes virtuais, tam...

13/06/2024

Comentários

Carregando do Facebook...
Vídeos da Semana

Informativo Municipal - Edição 54

13/06/2024

Informativo Municipal - Edição 53

06/06/2024

Últimas Notícias