og:image
×

REGIÕES

Curitibanos Frei Rogério Ponte Alta do Norte

NOTÍCIAS

Expocentro Fique Ligado Segurança Santa Catarina Brasil
São João Batista

São João Batista decreta situação de calamidade pública

Cerca de 15 mil pessoas afetadas, inundações ocupam aproximadamente 85% do território do município. Foto: Divulgação.

O Município de São João Batista decretou situação de calamidade pública na tarde desta quinta-feira (01), devido a uma das maiores enchentes de sua história. O Rio Tijucas, que corta a cidade, chegou a atingir o nível de 9,16 metros durante o dia e em apenas 24 horas o nível subiu mais de seis metros.

De acordo com a Administração, a estimativa é que cerca de 15 mil pessoas tenham sido afetadas, com a enchente ocupando quase 85% do território do município e ao menos 700 pessoas foram levadas para abrigos emergenciais da Defesa Civil. Os resgates aconteceram ao longo de todo o dia, sendo utilizados inclusive helicópteros, botes, motos aquáticas, jipes e caiaques enviados por municípios vizinhos e empresários.  Não foi registrada, até o momento, nenhuma morte.

Conforme a Sisam, o reservatório de água da cidade está vazio e não há previsão de restabelecimento da normalidade. A adutora que leva a água até a Estação de Tratamento foi rompida, não sendo ainda possível precisar a dimensão dos estragos e quando será possível efetuar os reparos necessários e também há o registro de quedas de pontes no interior.

A administração comunicação que as aulas foram canceladas e o expediente nas repartições públicas municipais foi suspenso para que todos os esforços das equipes sejam concentrados no combate à tragédia que assola a Capital Catarinense do Calçado. Voluntários estão sendo recrutados para auxiliar na organização dos abrigos. Também estão sendo solicitados donativos, principalmente colchões, roupas de cama, alimentos, fraldas e itens de higiene pessoal.

Os abrigos em funcionamento são Escola de Educação Básica São João Batista, Centro Municipal de Convivência do Idoso, Escola Professor Patrício Teixeira Brasil, Escola Prefeito Sinézio Octaviano Dadam, Escola Darci de Brito Maurici, Escola Maria das Dores Cipriani (lotado), Capela de São Luiz Gonzaga (lotado), Escola Catarina Deschamps Steffen (lotado) e Escola Monsenhor José Locks (lotado).

Os telefones para emergência são 193 (Bombeiros) ou (48) 99176-8891 da Coordenadoria Municipal de Defesa Civil.

Grazielle Delfino


Veja também

Crimes Virtuais: o perigo é real

No mundo digital, nem tudo é o que parece. Entre as facilidades e praticidades que a internet oferece, também se escondem perigos reais. Os crimes virtuais, tam...

13/06/2024

Comentários

Carregando do Facebook...
Vídeos da Semana

Informativo Municipal - Edição 54

13/06/2024

Informativo Municipal - Edição 53

06/06/2024

Últimas Notícias